quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Comemorações PEMD 70 anos


Seminário “70 Anos do Parque Estadual do Morro do Diabo: Um pouco de história”, marcou e comemorou os 70 Anos de Existência e Conservação desta importante unidade de conservação da natureza. O evento contou com conferencistas que abordaram fatos históricos e científicos muito relevantes para a compreensão das raízes dos cidadãos Teodorenses e do Pontal do Paranapanema, promovendo cultura e orgulho e gerando o sentimento de pertencimento pelo parque e região. 


Exposição “125 Anos da Comissão Geográfica e Geológica de São Paulo”, no clube Taquaruçu de Teodoro Sampaio, que em caráter muito especial estará conosco de 28 de outubro a 08 de novembro.



Este evento foi resultado de uma parceria entre a Fundação Florestal/PEMD, Prefeitura Municipal de Teodoro Sampaio e a empresa ETH Bioenergia, com o apoio da Câmara Municipal.
Durante sua existência o PEMD passou por uma série de ameaças reais, mas todos os obstáculos foram ultrapassados, todas as ameaças, sempre que possível, foram transformadas em oportunidades para o seu desenvolvimento sustentável. 
Uma unidade de conservação do porte e importância do PEMD alcançar 70 anos de existência em boas condições ecológicas é um fato muito raro no Brasil, haja vista que estas áreas são assediadas de distintas maneiras.
Todos que trabalharam para que isto se concretizasse merecem grande respeito, pois permitiram que hoje a gestão desta UC esteja voltada a beneficiar toda a sociedade.


27/10 – Abertura do Seminário 70 anos do PEMD: um pouco de história

O evento teve início às 20h, no clube Galeria, em Teodoro Sampaio, com a formação da mesa principal composta por: Helder Henrique de Faria (gestor do PEMD), Rodrigo F. Campanha (GCA Interior-FF), Ademir Infante Gutierrez (Prefeito Municipal), Rosemiro Batista de Moura (vice-presidente da Câmara Municipal), Juraci Bastos (Diretor Administrativo da ETH Bioenergia), Adelmar Faria Coimbra-Filho (conferencista – primatólogo, redescobridor do mico-leão-preto no PEMD), Alcides Pissinatti (Diretor do Centro de Primatologia do Rio de Janeiro) e Fernando Alves Pires (Curador do Museu Geológico e conferencista da noite). A palavra foi aberta à mesa com pronunciamento de alguns integrantes e posteriormente foi dado início à conferencia da noite: “125 anos da Comissão Geográfica e Geológica – o Pontal do Paranapanema”. A apresentação foi bastante interessante com fotos históricas dos locais onde a Comissão passou no rio Paranapanema e pontos localizados nos limites do PEMD.



Foram realizados mais de 200 credenciamentos para participação do Seminário e o público presente foi de 259 participantes, entre estudantes, profissionais liberais, técnicos de instituições públicas, ONGs e autoridades.

28/10 - Abertura da exposição – 125 anos da Comissão Geográfica e Geológica. 

As 10:00h teve inicio a abertura da exposição trazida do Museu Geológico do Estado de São Paulo, com fotos datadas de 1905, retratando a expedição pelos rios Tietê, Grande, Aguapeí, Peixe e Paranapanema.



A solenidade teve a presença do Exmo. Prefeito Municipal Ademir Infante Gutierrez, autoridades locais, funcionários do PEMD, gestores das UCs do Interior e do Gerente da GCA-Interior Rodrigo Campanha. Fizeram uso da palavra o Exmo. Prefeito, Sr. Rodrigo Campanha e Fernando Alves Pires – curador do MUGEO. 
A exposição ficou aberta ao público até dia 08/10, no Clube Taquaruçu, das 8h às 17h, sendo guardada e acompanhada por monitores ambientais do PEMD.












28/10 - Seminário 70 anos do PEMD: um pouco de história 

Com início às 20h, no Clube Galeria, foi lançado o vídeo-documentário 70 anos do Parque Estadual do Morro do Diabo, com 15 minutos de duração, contendo depoimentos de funcionários, autoridades municipais e imagens das paisagens da UC. Assistam:


Posteriormente deu-se início à conferencia sobre a Primatologia no Brasil e a redescoberta do Mico-leão-preto nas matas do PEMD, em 1970, pelo Prof. Adelmar Faria Coimbra Filho. 
Após a conferência que durou 2h, foram realizadas homenagens aos conferencistas, aos parceiros do evento e à escola que mais visitou o PEMD nos últimos 5 anos (EMEIF Paulo Alves Pires), com placas e uma réplica do mico-leão-preto, feito de forma artesanal. 
Terminadas as homenagens, a Prefeitura Municipal ofereceu um coquetel aos participantes.













29/10 - Homenagem da Câmara Municipal aos conferencistas e ao gestor do PEMD, com o título de Cidadão Teodorense e Medalha de Honra ao Mérito. 

As 19h iniciou-se a Sessão Solene de entrega de título de Cidadão Teodorense aos senhores Adelmar Faria Coimbra Filho, Fernando Alves Pires e Helder Henrique de Faria e Medalha de Honra ao Mérito ao Sr. Ademir Pereira dos Santos, com a presença de vereadores, Prefeito Municipal, Vice-prefeito, Deputado Estadual Mauro Bragatto e cidadãos teodorenses.


Ao fim da Sessão Solene iniciou-se a conferencia do Prof. Dr. Ademir Pereira dos Santos sobre “Theodoro Fernandes Sampaio: nos Sertões e nas Cidades”, que aborda a vida e a obra do homem que empresta seu nome ao município; lançamento do livro com o mesmo título e ganhador do Prêmio Jabuti 2011. Com essa conferência encerrou-se o Seminário.

Súmula curricular dos conferencistas

Fernando Alves Pires é Teodorense que saiu ao mundo aos 16 anos de idade. Hoje é Mestre e Doutor em Geociências, Pesquisador Científico do Instituto Geológico, da Secretaria de Meio Ambiente e Curador do Museu Geológico Valdemar Lefrève. Coordenou e compos a exposição 125 Anos da Comissão Geográfica e Geológica, que foi chefiada e integrada por Teodoro Fernandes Sampaio. 

Em 1970 o Prof Adelmar Faria Coimbra Filho, zoólogo internacional que possui várias comendas honoríficas no Brasil e Exterior, redescobriu o mico-leão preto nas matas de Teodoro Sampaio, espécie dada como extinta pela ciência por 65 Anos. Não fosse isso os caminhos do ‘Morro do Diabo’ poderiam ter sido outros, pois a partir de então os olhares se transformaram e deixou-se de explorar madeiras de lei na Reserva. 

Ademir Pereira dos Santos é arquiteto e urbanista e resgatou a obra, a vida e a memória de Theodoro Fernandes Sampaio e estará lançando seu magnífico livro em nossa cidade, após a conferencia sobre seu mentor.





2 comentários: